A nova sede da CI&T, em Oakland, na Califórnia.

Parar para observar a reação no rosto das pessoas impactadas com o novo ambiente de trabalho, ouvir a experiência de cada colaborador é impagável! É o melhor feedback que o escritório pode ter para comprovar que a missão foi cumprida com sucesso. E a satisfação vem na mesma proporção do tamanho do desafio.

Neste caso, ele foi grande. 

Projetar o prédio que marca uma nova fase da expansão internacional da CI&T, em Oakland, na Califórnia foi muito importante para o escritório não só pela obra em si a ser realizada, mas também pelo aprendizado adquirido durante o processo. A instalação com 1.500 m2 foi desenvolvida com base no Design Sprint, uma  metodologia criada pelo Google, que fomenta a cultura de colaboração e interação na realização de metas e solução de problemas dentro das empresas. Num trabalho inédito, o escritório participou de uma imersão de cinco dias, totalmente off Line com foco no projeto, reunido com profissionais da CI&T de níveis e visões diferentes. Foi formado um verdadeiro time para dar forma à nova unidade da multinacional brasileira e, ao final do quinto dia, o escritório entregar o layout e maquete eletrônica prontos.

A principal demanda era aplicar na arquitetura do prédio o conceito de flexibilidade que permeia a filosofia da CI&T, onde tudo é móvel e adaptável de acordo com as configurações que o projeto exigir. O primeiro passo foi desmistificar a ideia de postos de trabalho criando ambientes abertos que possam estimular a colaboração e interação entre os times locais e remotos da empresa. 

Os squads, a área de trabalho propriamente dita e as salas de reunião ganharam divisórias de vidro móveis que permitem criar espaços independentes e versáteis que podem ser transformados, expandidos ou compactados facilmente dependendo da necessidade exigida no momento. Todo o mobiliário escolhido, desde mesas dobráveis, sofás e pufes, também permite que sejam feitas várias configurações de layout, com poucas ou muitas pessoas, dentro do mesmo espaço. Para isso, foi necessário repensar toda a infraestrutura. O cabeamento da rede de computadores foi substituído por um wi-fi poderoso e a instalação elétrica e hidráulica passam pelo teto sem forro, com vários pontos de acesso no piso.

Por ser uma empresa de transformação digital, o visual também precisava ser tecnológico, nada convencional. Além da tubulação exposta, que confere um ar mais industrial ao ambiente, o antigo piso de concreto bruto do galpão foi mantido. Ele foi resinado e polido e está presente em quase toda a planta. Apenas áreas que demandavam uma melhor acústica ganharam carpete. As divisórias de vidro receberam faixas de lousa para que pudesse ser aplicado o método da empresa de gestão visual baseado no Lean, em que todos podem enxergar os processos do dia a dia e encontrar juntos facilitadores que melhorem o desempenho e promovam a transformação digital.

O projeto incluiu ainda a construção de uma sala de usabilidade, para a realização de testes dos apps desenvolvidos por ela. O ambiente sem muita interferência visual conta basicamente com uma divisória de espelho, bem no estilo das salas de interrogatório de filmes policiais americanos, onde funcionários ficam atrás observando a experiência do usuário diante de um produto que está sendo desenvolvido por eles.

Os outros espaços são bem mais descontraídos com linguagem visual jovem e despojada que é percebida, logo na saída dos elevadores. O hall foi trabalhado com música, cores neutras, texturas e ambientações aconchegantes para que, logo na chegada, não só o colaborador mas também os clientes se sintam à vontade dentro da empresa. Uma área de descompressão bem no miolo do prédio com mesas de jogos, café, sofás, pufes e até arquibancadas para que possam ser realizados de happy hours informais até grandes eventos. Artistas locais ficaram por conta de decorar as paredes com pinturas e criar toda a comunicação visual, numa iniciativa da empresa de valorizar e interagir com uma comunidade onde pretende expandir seus negócios.

Num tempo recorde de 120 horas de trabalho de muita parceria, o escritório Capoano Arquitetura conseguiu cumprir o desafio de entregar o projeto com a agilidade e eficiência que CI&T exige e precisa para crescer e se consolidar no mercado internacional.

Capoano-contato

Escritório de arquitetura especializado em criação de

projetos e obras corporativas.

(19) 2660-1887 | (19) 99169-3228